Resenha – Vermelho como o sangue – Salla Simukka

 

vermelho-como-sangue-frente_1-jpg-1000x1353_q85_crop

No congelante inverno do Ártico, Lumikki Andersson encontra uma incrível quantidade de notas manchadas de vermelho, ainda úmidas, penduradas para secar no laboratório de fotografia da escola. Cédulas respingadas de sangue.
Aos 17 anos, Lumikki vive sozinha, longe de seus pais e do passado que deixou para trás. Em uma conceituada escola de arte, ela se concentra nos estudos, alheia aos flashes, à fofoca e às festinhas dominadas pelos garotos e garotas perfeitos.
Depois que se envolve sem querer no caso das cédulas sujas de sangue, Lumikki é arrastada por um turbilhão de eventos. Eventos que se mostram cada vez mais ameaçadores quando as provas apontam para policiais corruptos e para um traficante perigoso, conhecido pela brutalidade com que conduz os seus negócios.
Lumikki perde o controle sobre o mundo em que vive e descobre que esteve cega diante das forças que a puxavam para o fundo. Ela descobre também que o tempo está se esgotando. Quando o sangue mancha a neve, talvez seja tarde demais para salvar seus amigos. Ou a si mesma.

♥♥♥♥
Ótimo

Lumikki Anderson, cujo nome significa Branca de Neve, é uma jovem de 17 anos que vive sozinha em uma quitinete na cidade de Tampere (Finlândia),mudou-se da casa dos pais para estudar na Escola de Arte. É uma jovem solitária que aprendeu a controlar seus medos e anseios. Já no começo da história Lumikki acaba vendo algo que não deveria e sua curiosidade acaba envolvendo-a em confusão. Ao entrar na sala escura, (sala para revelar fotografias), Lumikki encontra varias notas de 500 euros lavadas penduras e um forte cheiro de sangue, sai da sala e passa o dia com curiosidade para saber de quem são as notas, por que estavam cobertas com sangue, e o que fazer a respeito, se deveria contar a alguém, ou fazer alguma coisa.No decorrer da história e com alguns contratempos  Lumikki acaba ajudando Elisa, Tukka e Kasper a descobrir de quem era o dinheiro e todo o caminho que ele percorreu até chegar nas mãos do trio, sendo que ela acaba envolvendo-se em algo bem perigoso, colocando sua própria vida em risco.

Segue abaixo minha parte favorita do livro :

Cap. 15 / Pág. 133

Brancas, acolchoadas,inchadas,translucidas,como montanhas de chantilly. Distantes e ainda mais longe,ondulando para cima e para baixo e passando umas às outras. Nuvens lentas de movimentos lânguidos.
“Os dias esfriam ao se aproximarem da noite…”
As palavras de um poema sueco passaram pela cabeça dela.
Aquele dia não esfriara ainda,mais o pior do calor passara.O ar era como néctar. Como se tocasse nos contornos do corpo dela com uma grande pena,ele acariciava os dedos dos seus pés, suas coxas e seus braços.
Lá na doca,eles podiam ficar deitados completamente nus, olhando para o céu e as nuvens. Esperando. Desejando. Ansiando pelo outro,embora ainda estivesse ao alcance. Sorrindo para si mesma ao sentir aquele olhar na sua pele.
“Pegue meus ombros delgados e desejosos em suas mãos…”
Calor do ar e de dentro. Calor que dispersava pensamentos preguiçosos. Apressando o ócio, pressa lânguida. A transitoriedade eterna, eterna do verão. O momento quando tudo ainda era bom e estar junto era melhor do que estar só.

É um texto de fácil compreensão, gostoso de ler , que vai direto ao assunto, não é uma história de amor e sim de auto confiança, mistério, drama e ação. Vale muito a pena. Gostei bastante do final, não foi algo precipitado e me surpreendeu.
É o livro perfeito para se ler ao final de semana, em dois dias você consegue termina-lo.O livro é uma trilogia, porém não tenho informações de se a Editora Novo Conceito irá lançar os outros dois títulos que seriam, Branco como a Neve e Preto como o Ébano.

 

Anúncios

Um comentário sobre “Resenha – Vermelho como o sangue – Salla Simukka

  1. Pingback: Tag I NEED – Branco como a Neve -Salla Simukka – Egocêntrico Caracol

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s